Busca
                                                   Home  |  Fale Conosco 
» Canais

 

 

 

 

 

Notícias - Adamantina


Atualizado em 03-12-2018 as 15:53:32

Estádio Antônio Goulart Marmo é reinaugurado com grande evento esportivo


(+) fotos
Na tarde de sábado (1), a Prefeitura de Adamantina, por meio da Secretaria de Esportes, Lazer e Recreação (SELAR), realizou a reinauguração do Estádio Antônio Goulart Marmo.
 
O evento que reuniu cerca de três mil pessoas contou com a participação do projeto Universidade de Futebol, homenagem aos ex-atletas do Guarani de Adamantina campeão da Terceira Divisão em 1974 e, ainda, do jogo entre um combinado de Adamantina contra os ex-atletas que atuaram em clubes do futebol brasileiro e na seleção.
 
Para as obras de reforma do Estádio Municipal Antonio Goulart Marmo foram investidos R$ 306.251,14, sendo R$ 204.993,23 provenientes do Convênio com a Secretaria Estadual de Esporte, Lazer e Juventude, através de emenda parlamentar do Deputado Estadual Ed Thomas e R$ 101.257,91 de contrapartida do município.
 
A reforma do Estádio contou também com uma ação em conjunto das secretarias de Obras, Agricultura e Esportes e trabalhos desenvolvidos pelos reeducandos do Centro de Progressão Penitenciária de Pacaembu, possibilitada através da ajuda do poder judiciário, responsáveis pela restauração da pintura do Estádio, e recuperação do gramado.
 
Além dos recursos do convênio a Prefeitura utilizou recursos próprios para complementação dos investimentos visando total atendimento às normas e exigências legais para o funcionamento do Estádio Municipal.
 
Antônio Marcos é pai de um dos atletas que participam do Projeto Universidade de Futebol. Para ele, a reinauguração do estádio é muito importante, pois é mais uma iniciativa que ajuda a tirar crianças da rua.
 
“Qual é o pai que não quer ver o seu filho crescendo no futebol? Muitos meninos sonham em jogar futebol de forma profissional e para nós é um prazer muito grande! A reforma feita no estádio foi muito boa e isso incentiva muitas famílias”, afirma.
 
Vinícius Santana dos Santos, atleta do sub-13 do projeto Universidade de Futebol, diz estar muito feliz, pois é a primeira vez que ele vai ao estádio. “Eu sonho em ser jogador e o projeto é uma oportunidade”, comenta.
 
“O dia tão esperado chegou. O trabalho foi bem feito, com certeza vai ser recompensado, a natureza ajudou bastante, pois o clima está fresco, o pessoal está todo aí para uma festa muito boa!”, assegura Orlando Rodrigues Daniel, mais conhecido como Kakinha.
 
Em seu pronunciamento, o prefeito Márcio Cardim, ressaltou que todos os poderes constituídos ajudaram na recuperação do estádio.
 
“O legislativo teve uma participação importantíssima, o nosso judiciário por meio do doutor Sola não mediu esforços para através dos detentos para ajudar a trazer toda a recuperação da infraestrutura deste estádio. Parabéns Tuiuiú e as secretarias de Obras e Agricultura”, salienta.
 
Em sua fala, o deputado estadual Ed Thomas, relembrou que quando seu amigo, o ex-vereador Rogério César Sacoman       “Macarrão”, fez o pedido da emenda, ele disse que a prefeitura não tinha condições de fazer a reforma sozinha.
 
“Essa obra não é apenas para os homens, mas para as crianças, porque elas são mais importantes. Nós vamos cadastrar e credenciar Adamantina no Esporte Social do Estado pra que mensalmente venha esse recurso pra ser investido nos professores e nas crianças, o esporte é vida e é o menor investimento que uma prefeitura e o estado podem fazer e que dá o maior resultado”, diz.
 
Vitor, ex-jogador do São Paulo, fez questão de agradecer as pessoas que tiveram a ideia de promover um evento desta natureza. “Resgatar e reinaugurar um campo de futebol, é fundamental, pois o esporte alavanca muitas outras situações e nós como esportistas estamos honrados em participar de um evento dessa natureza”, finaliza. 
 
Ass. de Imprensa/Prefeitura


 
 
 
 


Últimas notícias

Desenvolvido por - Evolução Web - www.evolucaoweb.com.br
Copyright - FOLHA REGIONAL - PORTAL DE ADAMANTINA - Todos os direitos reservados